Uber perdeu mais de US$ 890 milhões em apenas três meses

A Uber continua a ser um buraco negro de dinheiro. A empresa continua acumulando prejuízos gigantescos com o intuito de expandir suas atividades, e, no segundo trimestre de 2018, as perdas ficaram na casa dos US$ 891 milhões, como informa a Bloomberg.

Perdas assim tem se tornado rotina nos últimos anos para a empresa. No ano passado inteiro, a companhia reportou um prejuízo na faixa de US$ 4,5 bilhões, com uma perda acumulada de US$ 11 bilhões, desde sua abertura em 2009.

Apesar do número alto, existem algumas boas notícias. Uma delas é que o ritmo das perdas diminuiu um pouco: no mesmo período de 2007, o prejuízo registrado foi de US$ 1,1 bilhão, então a companhia está perdendo menos dinheiro por trimestre. Além disso, a empresa ainda tem bastante dinheiro para “queimar” para se expandir, com US$ 7,3 bilhões em caixa para gastar.

Como a empresa consegue perder tanto dinheiro e continuar crescendo? Isso se deve ao fato de a empresa receber muitos investimentos externos pesados em troca de participação na companhia. Esses investidores podem recuperar seu capital quando a Uber decidir realizar seu IPO e começar a ter suas ações negociadas na bolsa de valores. Com US$ 7,3 bilhões em mãos, no entanto, talvez a abertura de capital possa demorar um pouco mais.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ