Elon Musk pede desculpas por chamar mergulhador britânico de 'pedófilo'

Elon Musk não vive um momento muito bom: depois de uma tentativa frustrada de ajudar no resgate do grupo de meninos tailandeses que estava preso em uma caverna, ele entrou em uma discussão com um dos mergulhadores envolvidos na operação e acabou chamando o rapaz de pedófilo. Agora, após receber ameaças de processo, o empreendedor emitiu um pedido de desculpas.

O bilionário fez seu pedido de desculpas em uma resposta a outro usuário do Twitter. Na mensagem, Musk diz ter agido com raiva após ter recebido críticas "mentirosas" do mergulhador britânico Vernon Unsworth após ter construído um submarino infantil em um "ato de bondade", mas que isso não justifica as ações dele.

Unsworth participou do resgate do grupo de jovens jogadores de futebol da Tailândia, e, quando questionado sobre o projeto de auxílio desenvolvido por Musk, ele disparou uma série de críticas. Para o mergulhador, a ideia de criar um mini-submarino para tirar as crianças do fundo da caverna era apenas um "golpe de relações públicas" e que o plano "não tinha chance de funcionar" no contexto em que eles estavam.

Ao responder o mergulhador, Musk sugeriu que Unsworth seria "pedófilo". O inglês não gostou nada disso e ameaçou entrar com um processo contra o bilionário. Ao mesmo tempo, as ações de suas empresas caíram devido às declarações do empreendedor - a Tesla registou 3% de queda, por exemplo.

Até agora, Unsworth não se pronunciou sobre o pedido de desculpas de Musk, e não está claro se ele vai abandonar o processo ou se seguirá com ele.

O Natal está chegando. Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ